segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Se eu escrevesse para a Marie-Claire

Tudo bem, queridos leitores, pegaram-me no flagra. Confesso: Posso ser bem fútil também. Fuzilem-me. Mas antes, leiam.



Duas pequenas listas:

Cinco coisas que não se deve exigir de um homem


1- Que ele seja rico

A não ser que você também seja. O dinheiro é uma algema. Não faça de namoro profissão, pois é um investimento arriscadíssimo, as dívidas criadas são enormes. E a conta sempre chega.

2- Que ele tenha o Q.I. de um gênio

Você vai querer matá-lo a golpes de machadinha quando ele a corrigir. E de que adianta o seu eleito ser um exímio matemático, gramático, geógrafo, se não fizer nada de útil com esse conhecimento todo além de se envaidecer?

3- Que ele seja lindo

Fale a verdade: Você nunca fez dieta? Nunca tomou remédio para acne? Não tem celulite? A beleza está nos detalhes. E nos olhos de quem vê. Quem nunca conheceu um feio-bonito?

4- Que ele seja um monge

Você está estressada porque não deu tempo de fazer escova, está quatro quilos acima do peso e vai ficar menstruada. Aí, devido a tais tragédias, anuncia que não vai mais ao show que vocês tinham combinado de assistir juntos há dois meses. É claro que só o que ele pode fazer é dizer que “Tudo bem, claro, minha linda, meu amor”. Capisce?




5- Que ele ature seus sobrinhos, que diga que a ama todos os dias, não se esqueça do aniversário da sua bisavó e nunca pule as preliminares.

É simples: Quando o amor é óbvio demais, se o seu “casinho” simplesmente se esquece de si e faz to-das as suas vontades, bem, não é a você que ele ama. Ele a idealiza, põe você num pedestal. E aí, fodeu: A gente não gosta de quem se coloca abaixo. E, mesmo que gostássemos, um belo dia ele descobriria que aquela princesa estava mais para ogra (bem mais).




Cinco coisas que é prudente exigir de um homem:


1- Que ele tenha dinheiro e não seja sovina

Afinal, imagina-se que você também tenha o seu. Direitos iguais. Agora, pedir cinqüenta centavos para pagar a metade da cocada comprada na praia é um balde de água fria. O mesmo vale para quando um dos dois for entrar na fila do cinema e o outro for pegar lugar no restaurante, porque o shopping está cheiíssimo. Quem for para a bilheteria paga e ponto final.

2- Que ele seja inteligente e minimamente engajado.

Não é necessário que ele tenha lido Foucault, mas que tenha ao menos ouvido falar. Que saiba que “berinjela” não se escreve com “g”. Que tenha pendor para alguma coisa, ou melhor, que já tenha descoberto um (porque todo mundo tem). E, se ele falar que não gosta de política, já que ‘essas paradas’ não alteram em nada a vida dele, au revoir.

3- Que ele seja limpinho

Dispensa explicações.

4- Que não ouse ficar “putinho” sem dar explicações, e que jamais a agrida.

Pois para exigir algo de um homem, é necessário que ele seja um homem, e não um moleque mimado. E bater, só a pedidos.

5- Que ele tenha timing

Porque é sempre bom receber um telefonema inesperado. Ou quando ele passa a mão na sua perna enquanto dirige, com a cara mais séria do mundo. E não é nada mau um pouco de suspense. Tem graça saber onde ele está e o que está fazendo a cada minuto do dia? Tenha dó.

3 comentários:

  1. adorei,super bem humorado e basado.
    vá lá no meu http://dropoflemon.blogspot.com/
    podemos ser amigas de blog.
    beijos

    ResponderExcluir